29 de jan de 2014

Campus Party, Dia 2

Segundo dia de Campus Party foi ainda mais agitado que o primeiro e teve bastante coisa bacana - cliquem nos links ao final do post para sacar qual foi a dessa terça-feira lá no Anhembi Parque, chamada informalmente por mim de dia "respeite o metal \m/". Se ontem foi dia de Marta Suplicy, hoje a fera da vez foi Bruce Dickinson, vocalista do Iron Maiden, que falou sobre seus negócios em aviação e deu uma palavrinha sobre como a música sobrevive - na palestra, ele afirmou que o Iron Maiden ganha mais dinheiro com cerveja e camiseta do que com música, mas continua fazendo álbuns para ter novos fãs. Tempos modernos. 

Além de Dickinson, a terça-feira teve campeonatos de League of Legends; o primeiro caixa eletrônico de Bitcoin da América do Sul e muita coisa bacana. O último link contem um vídeo no qual eu e a Ligia Aguilhar comentamos a passagem do Bruce Dickinson pela feira. Além disso, tive a honra de colaborar com o Murilo Roncolato em uma transmissão teste de livestreaming pelo portal do Estadão, justamente na hora que a luz falhava na feira. Fear of the dark? Não. Simbora que amanhã tem mais! 

Bruce Dickinson: ‘Uma startup precisa de fãs e não de clientes’
Torneio de games parece Copa do Mundo na Campus
Caixa eletrônico de Bitcoin está na Campus Party
Controlando máquinas com a mente
Bruno Capelas e Ligia Aguilhar comentam a passagem de Bruce Dickinson na Campus Party:

Nenhum comentário:

Postar um comentário