7 de mai de 2014

Estado de Prata


Se você é ligado em música boa e mora em São Paulo (ou cercanias), você precisa prestar atenção no Prata da Casa, projeto do SESC Pompeia que já dura 15 anos e teve nova fase iniciada nessa primeira terça-feira de maio. Em 2014, o programa terá curadoria do parceiro Marcelo Costa, editor do Scream & Yell, e a largada foi dada com uma bela apresentação do cantor Bruno Souto, com participação do guitarrista Nevilton (da... Nevilton, olha só).

Souto é vocalista da Volver há mais de uma década, mas se destacou no ano passado com seu disco solo, "Estado de Nuvem". Particularmente, eu não havia gostado do trabalho, muito decalcado das canções setentistas de Roberto Carlos (especialmente em seus momentos mais despudorados) e outros cantautores com gostinho de rádio AM. Entretanto, ao vivo tudo funcionou de maneira diferente.

O espaço caloroso da choperia do Pompeia (e o chope escuro gelado, uma pequena tradição da noite paulistana) e a boa banda que o acompanha ajudaram Souto a transformar suas canções em uma boa plataforma tanto para sua performance emocionada no palco quanto para o xamego de alguns poucos casais que se encontravam na pista. 

Convidado especial, Nevilton mostrou porque é o grande guitar hero do indie brasileiro: ainda que sua atitude em palco tenha um pouco de poseur, tal pose ajuda só a aumentar seu carisma, quase roubando a cena com alguns de seus solos. 


Juntos, Souto e Nevilton transformaram uma noite besta de terça-feira em São Paulo em ótimas horas. Amigo leitor, preste atenção: não sei se vai ter Copa, nem se vai ter água. Mas, em 2014, reserve as suas terças-feiras, prepare o fígado para o chope e abra o ouvido, porque vai ter Prata sim.



Nenhum comentário:

Postar um comentário