9 de mar de 2012

Super Fu Animals


Um Studio SP quase vazio numa noite de quarta-feira com dois jogos de times paulistas pela Taça Libertadores da América viu um dos shows mais bacanas dos últimos tempos ontem à noite. Era a apresentação do líder do Super Furry Animals, Gruff Rhys, acompanhado do casal Pato Fu, Fernanda Takai e John Ulhoa, numa combinação que foi chamada por aí de Super Fu Animals.



Na verdade, dá até pra dizer foram três números em um: primeiro, o guitarrista do Pato Fu subiu ao palco e tocou "My Sharona", do The Knack, e uma meia dúzia de canções da banda mineira que costumam ser desprezadas nos shows, como "Televisão de Cachorro", "O Mundo Não Mudou" e "Quase" - essas duas últimas, registradas pelo Pergunte ao Pop. Foi pouco, mas deu pra sentir um gostinho de quão sensacional seria um show do Pato Fu só com as músicas cantadas pelo guitarrista. Depois, o galês Gruff Rhys acompanhou John numa bonita versão em inglês de "No Aeroporto" - que está em Toda Cura Para Todo Mal, álbum de 2005.

Gruff Rhys ficou então sozinho para mostrar algumas canções de seus três álbuns solo, sendo o mais recente o bacana Hotel Shampoo, do ano passado, que está disponível para streaming no site oficial do cantor. Cheio de engenhocas (tecladinhos, baquetas com um led na ponta que acendia quando elas encostavam nas caixas, uma vitrola fazendo som de fundo) e se atrapalhando com o português, Gruff se destacou pela simpatia e pela beleza de suas canções - isso pra não falar na gag das placas que erguia quando queria dizer "Oi!", "Obrigado", ou pedir aplausos para o público.

No final, John voltou ao palco, dessa vez junto com sua mulher. Com Gruff, eles cantaram a graciosa "Candy Lion", faixa-título do segundo disco do galês, mas que poderia muito bem estar em qualquer disco dos mineiros; e a dupla de canções dos Super Furry - a balada "Fire in My Heart" e a grande favorita da casa "Juxtaposed With U", numa versão "samba pra gringo". A turnê de Gruff Rhys pela América do Sul continua: enquanto escrevo este texto, ele toca de novo no Studio SP. Amanhã ele passa por Buenos Aires e sábado pousa em Curitiba, fechando mais uma passagem por terras latinoamericanas.



Fotos e vídeos por Bruno Capelas

PS: Tirei algumas fotos do show além dessas que tão no post. Tem um álbum lá no flickr pra elas. Tem também alguns vídeos que eu não incluí a visualização - no meio do texto tem links pra eles, mas em todo caso, fuça lá o canal do YouTube.

Nenhum comentário:

Postar um comentário