20 de mar de 2012

Wado, Lana e o Clube da Esquina

Segunda-feira sempre é um dia corrido aqui (aula de manhã e de noite, trabalho durante a tarde), mas eu sempre faço questão de deixar uma rapidinha aqui. Hoje, dois clipes que saíram nos últimos dias e uma matéria bem bacana do Estado de Minas. Vamos lá:


Que o cantor alagoano/catarinense Wado é um dos grandes nomes do cenário independente brasileiro hoje, não há dúvidas. Mas, se você precisa ainda de algum motivo pra reforçar isso, vale dar uma olhada no clipe que ele soltou no fim de semana de "Si Próprio", parceria entre ele e Zeca Baleiro que abre seu mais recente álbum, Samba 808 - sexto colocado no melhores do ano do PaoP e segundo melhor disco na votação do Scream & Yell de 2011. Para o Scream &Yell, fiz a cobertura do show de lançamento do Samba 808 em São Paulo, e também uma entrevistinha curta antes de sair o disco.

|

Queria ter tido tempo - e aproveitado o momento - pra poder falar de Lana del Rey, o hype dos hypes de 2011/12. Até que eu gostei bem do disco dela, Born to Die, que saiu em janeiro e tem uma capa bem... subúrbio sexy dos anos 60. Além da bonitaça "Video Games", e dos singles que ela lançou ano passado, ainda curti a inédita "National Anthem". Lana lançou hoje o clipe oficial de "Blue Jeans" - uma pena ela ter deixado pra trás aquela estética chic-revival-colagem dos primeiros vídeos do Youtube. Provavelmente não vou conseguir falar do disco e da repercussão dele - até porque meu chapa Bruno Federowski já o fez muito bem num texto bacana para o Scream & Yell. Federowski, além de tocar o bom (e raro) blog de jazz  Blue & Sentimental, estuda comigo na ECA e foi meu parceiro no Pop to the People.















E nesse domingo, o Estado de Minas fez uma daquelas matérias que todo jornalista sonha em fazer: eles foram atrás dos meninos que ilustraram a capa de um dos discos mais sensacionais da história da música brasileira (este que vos fala cogita que este é um daqueles álbuns pra levar pra ilha deserta). A história, que você pode ler no site do jornal, correu a Internet ontem, mas vale a pena deixar registrado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário